banner
Clique aqui e assine edificar

Prefeitura de Conde firma convênio com o Estado e garante R$ 2,9 mi para pavimentação Secomd do Conde

Prefeitura de Conde firma convênio com o Estado e garante R$ 2,9 mi para pavimentação

De acordo com o secretário de Planejamento da cidade, Flávio Tavares, o valor só será liberado no final do ano devido ao período eleitoral

Postado em por edificar

Notícias

Um convênio da prefeitura municipal de Conde com o Governo da Paraíba vai garantir um investimento de R$ 2,9 milhões só para pavimentação em paralelepípedos na cidade. De acordo com o secretário de Planejamento da cidade, Flávio Tavares, o valor só será liberado no final do ano devido ao período eleitoral.

Ele ressaltou que a quantia contemplará o Centro da cidade, e ainda os bairros de Nossa Senhora das Neves e Nossa Senhora da Conceição.

“Em razão dos prazos eleitorais o desembolso desses recursos só poderá ser feito no final do ano. Todos os investimentos até agora foram na orla da cidade, agora a gente vai fazer essa segunda etapa, no próximo ano, na região do Centro, nos bairros Nossa Senhora das Neves e Nossa senhora da Conceição”, disse.

A pavimentação dessas ruas, conforme o secretário, é uma reivindicação antiga da população e que agora, na gestão da prefeitura Márcia Lucena, vai se tornar realidade.

“A gestão recebeu uma cidade com muito problema de infraestrutura, mas Márcia está conseguindo organizar a casa, controlar as finanças e estabelecer as prioridades para dar mais qualidade de vida à população”, ressaltou.

O secretário admite que a gestão não tem como solucionar todos os problemas de uma única vez, tendo em vista a herança que recebeu das antigas administrações, mas ressaltou que, com planejamento, está conseguindo tirar as promessas do papel e executá-las.

“A demanda de pavimentação e drenagem que estão incluídos em todos os projetos da gente é bem antiga e a gente tem um déficit. Temos um estudo de todas as demandas e vias que a gente quer pavimentar, como não podemos pavimentar tudo de uma vez, a gente já tem um planejamento para esses próximos anos. Nesse momento a gente privilegia algumas rotas de sistemas de transporte público e algumas rotas que são fundamentais para o desenvolvimento da cidade”, arrematou.