banner
Clique aqui e assine edificar

Crescimento do bairro dos Bancários aquece construção civil local Foto: Sônia Belizário

Crescimento do bairro dos Bancários aquece construção civil local

Bairro é alvo de construtoras pela estrutura e comodidade

Postado em por marina

Notícias

Por: Marina Cabral

O bairro dos Bancários é considerado um dos bairros novos da cidade. Sua história começa 40 anos atrás, quando funcionários da Caixa Econômica Federal e da Universidade Federal da Paraíba começaram a habitar as casas da região. O crescimento do comércio local transformou o bairro em um dos melhores lugares para investir na cidade.

Edson Félix mora nos Bancário há 12 anos. Ele viu o bairro crescer e se dividir em outros para abrigar mais moradores. “Me mudei algumas vezes, mas nunca saí de dentro do bairro. Acho que o mais atraente daqui é de ter tudo perto. Supermercado, banco, loja, qualquer coisa dá pra fazer a pé. Como estou no bairro há muito tempo já vi muita coisa mudar, mas o que mais me espanta é que meus vizinhos agora são prédios”, conta Edson.

O crescimento vertiginoso dos Bancários foi traduzido no estímulo à construção mais moderna. Hoje em dia, de acordo com os dados do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon), a média do metro quadrado do bairro é de R$ 3.600,50. A grande valorização vem devido à proximidade das principais universidades da cidade e por ser um bairro bem estruturado.

“Hoje, a grande mudança que o bairro está sofrendo é a substituição de prédios sem elevador para prédios com. Isso mostra que o bairro tem se modernizado cada vez mais e justifica a diferença do metro quadrado dele para os bairros vizinhos como Água Fria e Castelo Branco”, explica o tecnólogo em negócios imobiliários Fábio Henrique.

De acordo com o último censo habitacional, feito pelo IBGE, a população do bairro é de 11.863 habitantes. Esse crescimento mostra a necessidade do crescimento comercial da região. Grandes empreendimentos imobiliários estão sendo executados na região dos Bancários, como o Delta Center.

O bairro foi a primeira região que a Delta Center começou a construir. Após 20 anos no mercado, o grupo decidiu contribuir com o comércio local, trazendo o que há de mais moderno na engenharia para o novo empreendimento.

“Embora já tenhamos entregado residenciais, esse é o primeiro empresarial que construímos no bairro. Vimos que os Bancários tem um grande comércio, mas faltava um empreendimento elegante e moderno para estabelecer o bairro como polo comercial da cidade”, comenta a gerente de marketing da empresa, Patrícia Rodrigues.

A fisioterapeuta Elaine Dantas possui quatro clínicas de medicina do trabalho espalhadas pelo Estado. Ela decidiu montar seu escritório no Delta Center pelos benefícios que viu no empresarial.

“O escritório das clínicas será utilizado para receber melhor diretorias em um ambiente que não seja área de atendimento e a localização do Delta possibilita acesso tanto ao bairro quanto às saídas da cidade, o que é ótimo para mim. Acredito que o empresarial tem um ponto estratégico que atende todas as regiões, além de ser um empreendimento muito confortável e digno de um bairro nobre na cidade”, analisa Elaine.

Há opções para aqueles que desejam morar na região. A construtora Equilíbrio está terminando uma obra residencial no bairro. Francisco de Assis explica que a decisão do bairro se deu devido à condição do bairro. “Optamos por construir o residencial Julita Formiga nos Bancários por ser o melhor bairro da Zona Sul. A infraestrutura e os serviços de iluminação e água bem como o comércio local fazem dele um bairro visado para potenciais moradores”, explica o construtor.

Comércio cresceu junto com o bairro

O crescimento do bairro de deu com o desenvolvimento do comércio local. Uma das pizzarias mais antigas do bairro, Arte da Pizza, iniciou como uma proposta diferente aos restaurantes locais e hoje possui filial na orla de João Pessoa.

“Nós morávamos no Rio de Janeiro, mas quando meu pai veio de férias para cá viu uma oportunidade de montar um negócio”, conta Andreza Miguel, que hoje comanda a pizzaria dos Bancários junto com seu pai, José Miguel. Os Bancários tinha dois tipos de restaurantes há 10 anos: soparias e self-sevices.

“Ele decidiu abrir uma pizzaria que servisse a toda família, onde as pessoas pudessem conversar e se divertir, sem assistir TV ou só comer um rodízio e ir embora. Meu pai queria dar ao bairro um local mais sofisticado e conseguiu”, relata Andreza.

Com o tempo, a empresa foi crescendo e passou por reformas para se adequar as necessidades dos clientes, como a ambientação e ampliação do restaurante. Andreza ainda afirma que não é estranho pessoas de bairros como Intermares e Bessa frequentarem a pizzaria. O aconchego do bairro faz com que pessoas de outras partes da cidade desfrutem dos Bancários. Por sua praça movimentada, vida noturna e comércio local.

O bairro dos Bancários está em constante expansão, mas não importa seu tamanho, ele sempre acolhe todos que passam por lá.